Quinta, 21 Junho 2018 19:21

Prefeitura Municipal e Aperam BioEnergia realizam Seminário Educação Inclusiva em Itamarandiba

Escrito por
Avalie este item
(0 votos)

De tema “Inclusão Escolar: Pedagógicas, desafios e as possibilidades na escola.”, o Seminário contou com palestras e oficinas ministradas no Clube Florae e na Escola Estadual Mestra Bezinha Gandra.

 

A Prefeitura de Itamarandiba, por meio da Secretaria Municipal de Educação, e a Aperam BioEnegia promoveram, no dia 21 de junho, no Clube Florae, o Seminário de Educação Inclusiva. Com o tema “Inclusão Escolar: Pedagógicas, desafios e as possibilidades na escola.”, o evento teve como público alvo profissionais da educação do município de Itamarandiba, dentre eles pedagogos, professores, acompanhantes, professores de sala de aula de recursos, associações de pessoas excepcionais e demais interessados pelo tema.

A abertura do evento, abrilhantada por belíssima e emocionante apresentação dos alunos APAE/Itamarandiba, contou com a presença massiva de educadores do município, secretário municipal de administração e finanças, Gabriel de Fátima Santos, no ato representando o prefeito de Itamarandiba, Luiz Fernando Alves, secretária municipal de educação, Maria de Lourdes Monteiro, gestor de relações com as comunidades da Aperam BioEnergia, Raimundo Lima, coordenadora de projetos da Fundação Aperam/Acesita, Flávia Sousa Silva Soares, e presidente da Câmara Municipal, Lourdes Gomes Vieira.

O Seminário Educação Inclusiva teve como público alvo profissionais da educação e das associações de pessoas excepcionais.

 

Ao contextualizar a importância do evento na discussão e ponderações dos aspectos teóricos e práticos dentro das instituições de ensino, a secretária de educação de Itamarandiba, Maria de Lourdes Monteiro, ressaltou que o seminário será fator direcional para análises e reflexões acerca das políticas de Educação Inclusiva. “Temos a convicção de que esse seminário trará aos profissionais da educação uma nova perspectiva no que se refere às metodologias adotadas com os alunos que necessitam de um acompanhamento especial.”, argumentou.  Ela destacou, ainda, a parceria firmada entre Prefeitura e Aperam BioEnergia e o relevante apoio recebido pela Escola Estadual Mestra Bezinha Gandra (E.E.M.B.G) para que o evento fosse sediado em Itamarandiba.

Para a secretária municipal de educação, Maria de Lourdes, o Seminário despertará nos docentes um novo ponto de vista acerca dos métodos de trabalho aplicados nas instituições que recebem alunos excepcionais.  

 

A programação do Seminário se estendeu por todo o dia e para que se ofertasse comodidade e dinamismo aos trabalhos, as atividades foram divididas em dois momentos, sendo as palestras ministradas na parte da manhã, no próprio Clube Florae, e as oficinas realizadas, no período da tarde, na Escola Estadual Mestra Bezinha Gandra.

Tanto as palestras quanto as oficinas abordaram assuntos ligados à inclusão e ambas foram ministradas por profissionais qualificados; dentre os temas discutidos estavam: Autismo – Abordagem Neuropsicopedagógica; Contribuição das tecnologias assistivas na sala de ensino regular; Sistema Educacional Inclusivo: Construindo a escola das diferenças; Prática Educativa da Vida Independente; Jogos e brincadeiras adaptadas no desenvolvimento infantil; O cidadão surdo e como trabalhar com ele na sala de aula; Construção de material adaptado para deficientes visuais; PDI – Plano de Desenvolvimento Individual com aluno com necessidades educativas especiais; e ainda, Principais distúrbios de aprendizagem na fase da alfabetização Abordagem Neuropsicopedagógica.

 

Após marcante apresentação teatral,  Alunos da APAE/Itamarandiba foram ovacionados pelos participantes do  Seminário de Educação Inclusiva.

 

Ernane Frois

ASCOM: Prefeitura Municipal de Itamarandiba

Lido 517 vezes Última modificação em Terça, 17 Julho 2018 18:31

Endereço

Rede Social