Os trabalhos de integração e consolidação da Atenção Básica desenvolvidos pelo Núcleo de Apoio a Saúde da Família (NASF), até então localizado na Rua Dona Memeca, ganhou um novo endereço. Os 06 profissionais de nível superior; sendo: assistente social, educadora física, fisioterapeuta, nutricionista, psicóloga e fonoaudióloga, agora atenderão a população itamarandibana na Rua Capitão Paula, n°137, região central da cidade. No entanto, o horário de funcionamento não sofreu alterações, sendo assim o NASF continua a receber o usuário de segunda a sexta-feira, das 07:00 às 12:00 horas e das 14:00 às 16:00 horas.

O novo NASF conta com 10 cômodos sendo: ampla área externa, cozinha, banheiros, salas consultórios, recepção e sala de espera.

Em uma visita de cordialidade e inspeção das novas acomodações, o secretário municipal de saúde, Cledimar Alves, argumentou ter ficado satisfeito com o que viu, pois tanto servidores quanto usuários passaram a ter um ambiente mais aconchegante e de acolhimento ágil. Na oportunidade, Alves ressaltou a relevância do trabalho desenvolvido pela equipe multiprofissional a qual, segundo ele, atua de forma integrada com as Equipes de Saúde da Família (ESF), realizando discussões de casos clínicos, atendimento compartilhado entre profissionais nas unidades de saúde, atendimentos domiciliares e clínicos individualizados. “Quero destacar e agradecer a equipe desse Núcleo pelo profissionalismo e respeito com que recebem os usuários dessa unidade. Ressaltar, também, que muitas ações estão veiculadas a esse Núcleo de Apoio; dentre elas, a extensão do atendimento de fisioterapia aos distritos de Contrato e Padre João Afonso.”, comentou o secretário.

Com a mudança de endereço, a Prefeitura de Itamarandiba, por meio da Secretaria Municipal de Saúde, almeja facilitar a vida, proporcionar maior conforto e ofertar um melhor atendimento aos cidadãos que necessitam de ações voltadas a prevenção e promoção da saúde.

Ernane Frois

ASCOM: Prefeitura Municipal de Itamarandiba

 

A Secretaria Municipal de Saúde, através da Vigilância Epidemiológica de Itamarandiba, resguardando a população de possíveis distorções originárias de notícias quanto à confirmação da morte de um macaco com Febre Amarela na zona rural do município, vem a público informar que o primata foi encontrado morto, no mês de janeiro, nas proximidades do distrito de Padre João Afonso.

A constatação de que o animal havia sido contaminado com o vírus da Febre Amarela veio após criteriosa análise realizada na Fundação Ezequiel Dias (Funed). Entretanto, a Secretaria Municipal de Saúde elucida que NÃO existe motivo para pânico por parte da população; visto que em Itamarandiba cerca de 16.500 (dezesseis mil e quinhentas) pessoas já foram imunizadas (os demais não foram vacinados por não estarem na faixa etária permitida e/ou por já serem imunizados). Vale destacar, ainda, que a vacina da Febre Amarela faz parte do Calendário Nacional de Vacinação, é administrada em toda criança aos nove (09) meses de idade e garante 100% de imunização.

A Secretaria esclarece, também, que em área rural ou silvestre a infecção acontece quando uma pessoa que nunca tenha contraído a Febre Amarela, ou tomado a vacina, circula em áreas florestais e é picada por um mosquito infectado, o Haemagogus e o Sabethes. Ao contrair a doença a pessoa pode se tornar fonte de infecção para o Aedes Aegypti – o mesmo da Dengue, Zika e Chikungunya – no meio urbano. Destaca-se que desde o ano de 1942, ou seja, há 75 anos, não há notificação de Febre Amarela Urbana no Brasil. Assim sendo, é importante enfatizar que os macacos não são transmissores da doença, na verdade eles são sinalizadores de atenção à Febre Amarela.

Contudo, a Secretaria Municipal de Saúde alerta às pessoas, em especial as que irão se deslocar para áreas rurais, da necessidade e importância de se imunizarem. Desta maneira, é recomendado àqueles que, ainda, não foram imunizados à procurarem a Unidade de Saúde mais próxima.  

- Assessoria de Comunicação da Prefeitura Municipal de Itamarandiba -

Ao iniciar o ano letivo, os gestores municipais devem se empenhar e criar um excelente clima de trabalho na comunidade escolar, recebendo os servidores de maneira harmoniosa, respeitosa e principalmente; demonstrando a todos, a importância que eles exercem no alcance de um ensino de qualidade. Foi com essa linha de raciocínio que o Prefeito de Itamarandiba, Luiz Fernando Alves, Vice-prefeito, Lete Monteiro e Secretária Municipal de Educação, Érica Canuto, receberam, nos primeiros dias de fevereiro, no Plenário da Câmara de Vereadores, professores e serventes de serviços gerais da Rede de Ensino do município itamarandibano para um encontro de boas-vindas.

No evento, que contou com a presença maciça dos servidores da área educacional, a Secretária, Érica Canuto, lembrou que em meados de janeiro aconteceu reunião com diretores, vice-diretores e supervisores pedagógicos das Escolas e Centros Municipais de Educação Infantil (Cmeis) para que fossem explanadas as diretrizes e ações a serem adotadas durante o ano letivo. Posto isto, ela argumentou que o recente encontro visou, dentre outras ações, ser momento de apresentação, troca de experiências e de pedir para que toda a comunidade escolar trabalhe com união e em busca constante pelo bem do ensino municipal. “Não se promove a educação com ações isoladas, mas com a força, trabalho, união e dedicação de todos em prol de um mesmo objetivo. Portanto, queremos propor que o trabalho seja em rede! Pedimos e contamos com a colaboração de professores e serventes de serviços gerais para que sejamos todos instrumentos agregadores nessa nova etapa da educação do nosso município!”, ressaltou Canuto.

O Prefeito Luiz Fernando, por sua vez, destacou a relevância do servidor da área educacional na construção de uma educação cada vez melhor. Alves aproveitou para falar das ações e projetos que estão sendo elaborados para que o município de Itamarandiba alcance resultados melhores no Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb). “O quadro de funcionários da educação municipal conta com excelente corpo docente, pessoas empenhadas que deslumbram grandes conquista para o ensino da nossa municipalidade. Confiamos nesses profissionais e juntos vamos trabalhar para que nossas escolas estejam sempre entre as primeiras no quesito qualidade.”, diz. 

Ao findar das reuniões era unânime a sensação de que os encontros serviram para estreitar os laços de co-responsabilidade e empenho de todos.

Ernane Frois

ASCOM: Prefeitura Municipal de Itamarandiba

As alterações realizadas no Programa Assistencial de Alívio Imediato à Pobreza Extrema no Município de Itamarandiba foi tema de debate na tarde de segunda-feira (30), na Câmara Municipal. A audiência, realizada a pedido da Prefeitura junto à Presidência da Casa Legisladora; contou com a presença do Prefeito Luiz Fernando Alves, Presidente da Câmara Municipal, Lourdes Gomes, Vereadores, Secretário de Desenvolvimento e Assistência Social, Gabriel Fátima Santos, representante da Procuradoria do Município, Dr. Pedro Afonso Fernandes e, ainda, com a participação de dezenas de beneficiários que a convite da Secretaria de Desenvolvimento e Assistência Social, gestora do programa, juntamente com o Conselho Municipal de Assistência Social, lotaram o Plenário José Sena Neto e tiveram a oportunidade de sanar dúvidas e conhecerem melhor os objetivos e inovações do Projeto.

Criado em 2009, o Programa conferi, por meio de critérios objetivos como a análise da renda per capta do grupo familiar, um benefício assistencial às pessoas em condições de vulnerabilidade social e econômica. No entanto, o programa passa por atualizações a fim de preservar-lhe a natureza eminentemente assistencial e humanitária e, sobretudo, para assegurar a dignidade e integração social dos beneficiários.

O Secretário Gabriel Santos explicou, aos presentes, que atualmente mediante ao preenchimento de vários requisitos, dentre os quais está a inserção em atividades no âmbito da administração, à frequência escolar, à realização de exames como o pré-natal e o acompanhamento de saúde; aos beneficiários do programa é assegurada a transferência direta de pequena renda custeada pelo próprio Município. Levando em consideração esses parâmetros, o Secretário ressaltou que, neste ano, a Administração Municipal identificou alguns pontos na disciplina e execução do Programa que necessitavam com urgência ser revistos, com destaque para a defasagem do valor do benefício, a carga horária excessiva das atividades executadas pelos beneficiários e a carência de oferta de meios de empoderamento do cidadão, no âmbito do programa, para superação da condição de pobreza. “Detectamos e estamos trabalhando para solucionar o problema. O Executivo Municipal editou Medida Provisória que, ainda, será objeto de análise pela Câmara Municipal. Contudo, já existe força de Lei até a deliberação da Casa Legislativa.”, ponderou Santos.

Apesar do recesso parlamentar, que termina no próximo mês, vários vereadores participaram da reunião e se mostraram grandes interessados na realidade e atualizações do programa, visto que, em breve, irão apreciar a Medida Provisória.

Os legisladores tiveram a oportunidade de esclarecer e pontuar questões trazidas pelas alterações na Medida Provisória e pelo novo regulamento do Executivo, dentre os quais destacam-se: a redução da carga horária das atividades desempenhadas pelos beneficiários que passa de até 08 (oito) para no máximo 4 (quatro) horas; o reajuste do benefício de R$ 200,00 (duzentos reais) para R$ 240,00 (duzentos e quarenta reais) e, em especial, inova-se na obrigatoriedade do beneficiário a participar de cursos, palestras, oficinas e ou meios de aprendizagem, ao menos 2 (duas) vezes na semana, somando-se carga horária mínima de 06 (seis) horas/semanais, a ser ofertados pela Prefeitura por meio de suas Secretarias e parceiros.

Ernane Frois

ASCOM: Prefeitura Municipal de Itamarandiba

                 

Na última segunda-feira (23), o Prefeito de Itamarandiba, Luiz Fernando Alves, e o Secretário Municipal de Saúde, Cledimar Ferreira Alves, estiveram reunidos com os Agentes de Combates a Endemias (ACE’s) e Agentes Comunitários de Saúde (ACS’s) que atuam na zona urbana e rural do município de Itamarandiba.

Os encontros foram marcados para que Prefeito e Secretário, em companhia da Coordenadora de Vigilância em Saúde, Eliane de Paula, Coordenadora da Atenção Primária à Saúde, Luciana Piovezan Fernandes Prates, e a Gestora de Projetos, Ana Paula Campos, pudessem debater e desenvolverem, junto às equipes, ações ligadas à saúde pública. Contudo, a abordagem central da reunião estava direcionada à discussão sobre os casos confirmados e suspeitos de Febre Amarela no Estado de Minas Gerais, em especial nos municípios limítrofes à Itamarandiba, e, também, à prevenção e combate ao mosquito transmissor da Dengue, Chikungunya e Zika Vírus.

Na oportunidade, o Prefeito Luiz Fernando enalteceu o empenho de toda a equipe da saúde, em especial dos servidores dos Postos de Saúde, que com grande dedicação tem feito belo trabalho de imunização e conscientização acerca da Febre Amarela; doença que tem trazido preocupação às autoridades municipais, estaduais e federais. Luiz Fernando falou, também, sobre o papel dos ACS’s e ACEs’s nesse processo. “Quero agradecer aos Agentes Comunitários de Saúde e de Combates a Endemias e frisar que o trabalho de vocês é de extrema importância para a sociedade. Ao contrário da Febre Amarela, da qual pouco se tem conhecimento, a orientação e prevenção ao Aedes Aegypti, mosquito transmissor da Dengue, Chikungunya e Zika Vírus, é uma realidade no nosso município graças à vocês.”, reconheceu o Prefeito.  

Ernane Frois

ASCOM: Prefeitura Municipal de Itamarandiba 

Alunos do curso de Administração Pública da Escola de Governo Professor Paulo Neves de Carvalho/Fundação João Pinheiro realizaram, no dia 20 de janeiro, na Câmara Municipal de Itamarandiba, apresentação dos principais resultados do relatório do passivo de férias dos servidores municipais do município de Itamarandiba.

O levantamento é fruto da parceria firmada entre a Prefeitura e a Fundação João Pinheiro (FJP) para implantarem em Itamarandiba, por meio do Programa de Internato em Administração e Gestão Municipal (PRINAGEM), o projeto de imersão da FJP.

A explanação trouxe à tona o resultado dos trabalhos realizados pelos estudantes Bruna Boroni, Daniela Bittencourt, Fernando Anelli, Gabriela Carneiro e Luiza Pitangueira que, ao longo de três semanas, estiveram no Departamento de Recursos Humanos da Prefeitura Municipal analisando pastas funcionais de servidores efetivos e contratados. “Avaliamos e contabilizamos as férias prêmio e regulamentares de todos os servidores efetivos e contratados por processo seletivo. Com o diagnóstico em mãos é possível que a Prefeitura busque alternativas para lidar com o passivo temporal e financeiro existente.”, argumentou a aluna Luiza Pitangueira.

O Prefeito de Itamarandiba, Luiz Fernando, juntamente com o Vice-prefeito, Lete Monteiro, Vereadores, Secretários e servidores municipais, esteve presente na apresentação e destacou o profissionalismo com que os trabalhos foram elaborados pelos alunos e comentou: “iniciativas de diagnóstico da gestão municipal, como essa realizada graças a parceria firmada entre Prefeitura de Itamarandiba e Fundação João Pinheiro, são importantes para a adoção de ações mais efetivas que contribuem para um desenvolvimento conjunto e sustentável do município. Ações assim conferem transparência às contas públicas e sensibilizam a população com relação ao real contexto da gestão municipal.”, comentou o Prefeito.

Ao final do encontro, a aluna Gabriela Carneiro, em nome dos demais colegas, fez questão de agradecer a Prefeitura de Itamarandiba e a Fundação João Pinheiro pela oportunidade de aprendizado e de vivência prática na administração municipal. “Somos gratos à instituição Fundação João Pinheiro e ao município itamarandibano, em especial agradecemos ao Prefeito Luiz Fernando por todo apoio, direcionamento do trabalho e infraestrutura oferecida. Aos servidores do Departamento de Recursos Humanos fica nossa consideração; sem o conhecimento, experiência, suporte e acolhimento desses profissionais nosso trabalho não teria tamanho êxito.”, destacou Gabriela.

Ernane Frois

Ascom - Prefeitura Municipal de Itamarandiba

  

 

Com o objetivo de manter viva as tradições culturais do município, a Prefeitura de Itamarandiba, através da Secretaria Municipal de Esportes, Lazer, Cultura e Turismo, decidiu e confirmou, na última semana, que o tradicional carnaval itamarandibano será realizado entre os dias 24 e 28 de fevereiro de 2017.

Apesar das dificuldades financeiras, pelas quais passam as municipalidades brasileiras, o Secretário Walber Miranda, responsável pela pasta cultural, assegurou que a Equipe de Governo montará uma força tarefa, na qual não serão poupados esforços, para que itamarandibanos e visitantes tenham 05 dias de muita diversão. “Queremos fazer uma festa de qualidade, porém com custos reduzidos para os cofres do município. Para isso, estamos traçando estratégias e buscando apoio junto ao comércio local. É com determinação e ajuda que vamos fazer o resgate cultural e manter a tradição da festa do momo em Itamarandiba.”, explicou Miranda.

De acordo com o Secretário, as bandas que se apresentarão nas noites e matinês, ainda, não foram definidas; entretanto ele confirmou que os blocos Só K’minha Dentro, Me Deu Onda, Esquenta e Alcoologia já estão confirmados no ITAFOLIA 2017. “Devido a situação financeira do Município, as bandas que abrilhantarão nosso Carnaval, ainda, não foram escolhidas; isso será feito de maneira responsável e cautelosa. Por outro lado, quatro blocos de rua, grandes protagonistas de nossa festa, já confirmaram presença.”, argumentou o Secretário.

Esse ano os blocos terão uma novidade e incentivo a mais para fazerem bonito pelas Ruas centenárias de Itamarandiba. Visto que, o 1º colocado, além de receber uma quantia em dinheiro, terá, também, como premiação um passeio ecológico, para 40 pessoas, no Parque Estadual da Serra Negra com transporte, almoço e guia incluso.   Mais informações na Secretaria Municipal de Esportes, Lazer, Cultura e Turismo; situada à Avenida Jequitinhonha, 298, 2º Andar (imóvel Pólo UAB) ou pelo telefone (38)3521-1381.

Ernane Frois

Ascom: Prefeitura Municipal de Itamarandiba

 

 

A Prefeitura de Itamarandiba, por meio da Secretaria Municipal de Educação, vai realizar, na próxima quarta-feira (25), chamamento público para contratação/designação de profissionais da educação básica e serventes escolares para atuarem na rede municipal de ensino.

De acordo com o Edital de divulgação, a convocação respeitará alguns critérios tais como: Para especialistas em educação, marcado para as 08 horas e 30 minutos, será levado em conta: Melhor classificação na lista do Concurso Público Edital 001/2015 com formação específica já concluída, maior grau de habilitação na área com maior tempo de serviço na unidade de ensino onde existir a vaga, maior grau de habilitação na área com maior tempo de serviço na rede municipal de ensino e maior grau de habilitação na área.

Já para a seleção de serventes escolares, chamamento marcado para as 09 horas e 30 minutos; será levado em consideração os seguintes critérios: melhor classificação na lista do Concurso Público Edital 001/2015, maior tempo de serviço na unidade de ensino onde existir a vaga e, ainda, maior tempo de serviço na rede municipal de ensino.

O chamamento será realizado na sede da Secretaria Municipal de Educação, situada à Rua Tiradentes, 169, Centro. O Edital pode ser acessado e/ou impresso pelo link: https://drive.google.com/file/d/0B0L9AtE3Ykq4aDFvZEk4cklLck0/view

OBS: ERRATA 01 = No Edital o candidato deve desconsiderar a informação de que existe 01 vaga de supervisão 24 horas na Escola Municipal Gente Pequena. 

Ernane Frois

ASCOM: Prefeitura Municipal de Itamarandiba

A Secretaria Municipal de Saúde de Itamarandiba solicitou e vai receber, nesta sexta-feira (20), da Secretaria de Estado de Saúde de Minas Gerais-Regional Diamantina mais 03 mil doses da vacina contra a febre amarela.  A nova remessa servirá para reforçar o atendimento à grande demanda gerada pela população do município.

De acordo com cronograma divulgado pela Secretaria Municipal de Saúde as doses serão distribuídas da seguinte maneira:

  • ESF Central: 500 doses
  • ESF 1º de Maio: 500 doses
  • ESF Dr. José Pavie: 500 doses
  • ESF Santa Joana: 400 doses
  • ESF Padre João Afonso: 200 doses
  • ESF Contrato: 400 doses
  • ESF Santa Luzia: 100 doses   

Segundo informações repassadas pela Vigilância Epidemiológica de Itamarandiba, desde o dia 12 de janeiro, início da mobilização de imunização na municipalidade, mais de 07 mil pessoas já receberam a vacina. Sendo que a grande maioria são moradores da zona rural e residem na divisa com os municípios de São Sebastião do Maranhão, Coluna e Frei Lagonegro.  

O Secretário Municipal de Saúde, Cledimar Ferreira Alves, lembrou que, até o presente momento, Itamarandiba NÃO registrou nenhum caso suspeito de febre amarela. Nesse sentido, reforçou a não necessidade de pânico por parte da população itamarandibana, em especial dos moradores da sede municipal. “Quero deixar claro que no nosso município não existe nenhum caso suspeito da doença. Contudo, estamos alerta aos casos confirmados e suspeitos que atingiram municipalidades circunvizinhas à nossa região e estamos empenhados e tomando todas as providências necessárias para que o cidadão itamarandibano esteja protegido.”, comentou.  

O Secretário explicou, ainda, que a imunização será feita em todos; entretanto pede a compreensão da população, visto que o envio das vacinas para os municípios é de responsabilidade da Secretaria de Estado de Saúde de Minas Gerais e isso tem sido feito de forma fracionada. “Temos notado que as pessoas estão recebendo e/ou repassando informações sobre a febre amarela que não condizem com a nossa realidade. Essas informações desencontradas só atrapalham. Volto a repetir e peço que a população se tranquilize. Não há necessidade de alarde! E afirmo que a vacinação será feita em todas as pessoas.”, argumentou

Ernane Frois

ASCOM: Prefeitura Municipal de Itamarandiba

 

A Prefeitura de Itamarandiba, por meio da Secretaria Municipal de Educação, realizou, na manhã desta segunda-feira (16), a primeira reunião administrativo-pedagógica da Gestão 2017/2020 com diretores, vice-diretores e supervisores pedagógicos das Escolas e Centros Municipais de Educação Infantil (CMEIS) da zona urbana, distritos e zona rural de Itamarandiba.

No encontro, mediado pela Secretária Municipal de Educação, Érica Canuto, os mais de 20 participantes tiveram a oportunidade de conheceram a nova equipe da Secretaria e souberam das diretrizes e ações que deverão ser seguidas/tomadas no decorrer do ano letivo.

Na oportunidade, a Secretária enalteceu a importância do trabalho desenvolvido pela equipe de profissionais da área educacional e reafirmou o compromisso da nova Gestão Municipal em trabalhar para que haja grandes avanços no ensino itamarandibano. “Quero desejar a todos um excelente início de ano letivo e que todos possam levantar a bandeira da educação, tão importante para o desenvolvimento do nosso município.”, comentou.  

O Prefeito Luiz Fernando e o Vice-prefeito, Lete Monteiro, participaram da reunião e ao desejarem boas-vindas aproveitaram para pedir que todos abracem a causa da educação. “Para que tenhamos uma educação de qualidade é preciso o envolvimento do corpo docente, alunos e comunidade. A união é e será o diferencial no alcance das metas que traçamos para o aprendizado do nosso município.”, diz o Prefeito.

A reunião contou, ainda, com a presença do Controlador Interno, Paulo Wellington Fernandes, e da responsável pelo Patrimônio Municipal, Helenice Vieira, os quais orientaram a equipe gestora da educação com relação a importância da preservação do patrimônio público nas Escolas.

Ernane Frois

Ascom: Prefeitura municipal de Itamarandiba 

A Secretaria Municipal de Itamarandiba, juntamente com a Vigilância Epidemiológica vêm a público informar sobre o surto de Febre Amarela no estado de Minas Gerais. Até o dia 12/01/17, foram notificados 110 casos suspeitos da doença. É importante ressaltar que Itamarandiba NÃO apresentou nenhum caso suspeito até o momento. Estamos realizando bloqueio vacinal na zona rural do Distrito de Pe. João Afonso, conforme orientação do Ministério da Saúde, por ser esta área divisa com o município de São Sebastião do Maranhão, onde foi notificado 01 caso suspeito da doença. 

É importante destacar que em área rural ou silvestre, a infecção acontece quando uma pessoa que nunca tenha contraído a febre amarela, ou tomado a vacina, circula em áreas florestais e é picada por um mosquito infectado , o Haemagogus e o Sabethes. Ao contrair a doença a pessoa pode se tornar fonte de infecção para o Aedes aegypti – o mesmo da Dengue, Zika e Chicungunya – no meio urbano. Destaca-se que desde 1942 não há notificação de Febre amarela urbana.Assim, informamos que NÃO há motivo para pânico, pois a vacina da Febre Amarela faz parte do Calendário Nacional de Vacinação, administrada em toda criança aos 9 meses de idade, o que garante 100 % de imunização. O calendário vacinal garante um reforço vacinal após 4 anos de idade, o que faz com que não haja necessidade de mais doses.

A Secretaria Municipal de Saúde está cobrando do Estado maior quantidade de vacinas para atendimento de toda população que não tenha histórico vacinal. No momento, a prioridade é a Zona Rural próxima a São Sebastião do Maranhão. Os moradores da zona urbana NÃO necessitam de urgência na vacinação, no momento.

Em solenidade realizada na Câmara Municipal, o Prefeito de Itamarandiba, Luiz Fernando Alves, recebeu, das mãos do Chefe de Estado Maior, Cel. PM, André Agostinho Leão de Oliveira, as chaves de 01 veículo Chevrolet-S10 (viatura). O automóvel conquistado para o município será usado no reforço do policiamento ostensivo e em operações especiais coordenadas pelo 2º Pelotão da 23ª Cia. da Polícia Militar Independente, sediada na cidade itamarandibana.

O Prefeito Luiz Fernando, salientou que a chegada de mais uma viatura à Itamarandiba é resultado de demanda apresentada junto ao Governo do Estado ainda no mês de outubro de 2016 e explicou: “Tão logo saímos vitoriosos no pleito eleitoral de 2016, solicitamos ao Comando Geral da PM/MG a melhoria da estrutura da segurança pública em nosso município. Hoje com grande satisfação, recebemos uma viatura que será de grande valia no patrulhamento ostensivo, mas, as reivindicações não param por aqui! Já solicitamos o principal; que é o aumento do efetivo policial e a implantação do sistema de vigilância ‘Olho Vivo’.”.    

Além do Prefeito, Luiz Fernando e do Chefe de Estado Maior, Cel. PM, André Leão, fizeram-se presentes, também, à solenidade de entrega das chaves o Vice-prefeito de Itamarandiba, Lete Monteiro, Presidente da Câmara Municipal, Lourdes Gomes, Ten. Cel., Carlos Iomag Maximiano, Major, Nilzo Figueiredo, Com. do 2º Pelotão da cidade de Itamarandiba, 2º Ten., José Cláudio de Assis Reis, vereadores, secretários municipais, empresários locais e representantes de instituições públicas e privadas do município.  

OBS: Fotos do evento no link: https://www.facebook.com/pg/ascom.itamarandiba/photos/?tab=album&album_id=989585281141333

Ernane Frois

ASCOM: Prefeitura Municipal de Itamarandiba 

Endereço

Rede Social